Corte de Espinhos e Rosas - Romance Clichê e Fantasia da Braba



SÃO TRÊS. Três volumes dessa série, e eu já tô engolindo o segundo livro. Mas não fica animadinho não, eu sei que só tenho feitos críticas boazinhas e falo a parte ruim superficialmente, é que eu adoro fazer as pessoas se envolverem mais na literatura. Mas não hoje, não agora. Isso vai mudar.

E já vou começar minha revolução crítica falando desse maravilhoso livro. Mas que CLICHÊ, sim eu estou gritando nesse momento, sangue escorrendo do meu nariz. 

Eu adoro romance, mas fazer um livro com temática de A Bela e a Fera é sacanagem, né?! Quer dizer, trocaram a tal besta por um cara forte e de cabelos dourados chamado Tamlin, acredito que as várias descrições de sexo entre a personagem e o cara não se encontram no livro criado pela Disney.
(A não ser que você conheça alguma história bizarra dessas que aparecem sobre contos de fada)


É sério, o romance do livro é péssimo, totalmente previsível e parece inspirado em O Poderoso Chefão com as cenas de sexo explícitas em forma de palavras. É aquele romance que faz você virar os olhos e as vezes as páginas.

TIRANDO ISSO, que é meio que tirar metade do livro, o envolvimento e a criatividade da autora são especiais, mesmo que você tenha Déjà vu de já ter lido algo sobre um reino imortal com um nome bem élfico: Prythian.

Bom, é uma junção de muitas histórias, acho que até Crepúsculo tem um pouco (Meu Deus quanto tempo esse filme, hein) é isso que faz a história um pouco, um muito, interessante. O cenário, o personagem, o tempo, Sarah J. Mass deve gostar muito de RPG. 



Vamos a parte boa, não sei como, mas Sarah consegue detalhar coisas muito precisamente e ainda assim permanecer o foco do leitor no texto, isso é algo dificílimo, se você já leu um livro com uma riqueza muito grande de detalhes com certeza deu um tédio, ou uma bocejada.

Além disso a ligação da história entre início, meio e fim é extraordinária. É sério. Ela liga fatos elegantemente,  sempre fazendo você pensar "Caramba, é mesmo", pelo menos eu fiquei apaixonado pela organização.

A história é comum,o romance previsível, a organização muito boa. Ainda assim é interessante. Estou começando a ler o segundo volume. Espero que não esteja forçado. Recomendo.

E aí, gostou? Já leu? Ficou interessado? Comenta aí! E compartilha com seus amigos. Valeu!